HISTÓRIA


Nos anos 80 faziam-se filas à porta do Camelo, em Santa Marta de Portuzelo.
Contava-se que lá dentro serviam-se as melhores iguarias e pitéus tradicionais e punha-lhes a D. Marta um toque subtil “como só ela”. Trouxera-o da encantadora Versalhes, onde residiu a lusa família Camelo.
O sucesso era tal que, poucos anos depois, António Camelo, o patriarca da família, abriu o primeiro restaurante. Genuíno contador de histórias, é dono de um carisma que, ainda hoje, naturalmente lhe dá lugar no centro do palco.
Não tardaria até deixar-se encantar por outros ares e, contrariando a tendência vianense, veio abrir o charmoso Camelo na pitoresca Vila da Apúlia.
O testemunho passou de pai para filho e hoje, Rui Camelo, é o anfitrião deste espaço convidativo, genuíno e apostado numa cozinha portuguesa de inspiração tradicional com um toque contemporâneo.
O melhor da cozinha portuguesa com sabor a mar está aqui.